Sexta-feira, 16 de Fevereiro de 2007

Os heróis que não o foram nem queriam ser

 

 

 

 

 

 

 

     

                                      

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                                        

 

The raising of the flag at Iwo Jima in Dreamworks' Flags of Our Fathers 

 

As Bandeiras dos Nossos Pais é a primeira face de um díptico que Clint Eastwood decidiu filmar sobre a batalha de Iwo Jima, episódio central na guerra do Pacífico, sobre os dois lados da batalha. Este é sobre o lado americano, embora assente sobretudo na desconstrução do mito da bandeira colocada no Monte Suribachi. Dentro de dias, estreia a outra face, "Cartas de Iwo Jima", mostrando a história pelo lado japonês.

Muitos de nós, tal como eu, já havíamos visto esta foto, da bandeira americana a ser fixada num monte por um punhado de soldados. Tenha sido em documentários televisivos, em compêndios de história, ou mesmo em livros de fotos, ela é conhecida.

Clint Eastwood, em mais uma excelente realização, nos moldes dos grandes clássicos de guerra, decidiu contar esta história. Estamos em Fevereiro de 1945. Na Europa a vitória era quase certa, mas no Pacífico a batalhava continuava. E uma das frentes mais sangrentas foi a luta pela ilha de Iwo Jima. Apesar de ser uma pequena ilha, tinha um grande importância estratégica, daí que japoneses e americanos degladiaram-se pela sua posse. O filme começa por contar os primeiros dias da batalha, e o desembarque das tropas americanas. Ao 6º dia, alguns soldados colocam uma bandeira americana no Monte Suribachi. Essa imagem é captada por fotógrafos e culmina numa foto emblemática que serviu de símbolo de coragem  e de incentivo às tropas e ao país cansado da guerra.

A batalha nem estava ganha, nem acabada, e três dos rapazes identificados na foto regressam aos Estados Unidos, com os outros três já mortos em combate.  John "Doc" Bradley (Ryan Philippe), o socorrista, Ira Hayes (Adam Beach), fuzileiro de origem índia e Rene Gagnon (Jesse Bradford) foram aclamados como heróis de guerra e usados como marketing do exército, para fortalecer os ânimos e procurar contributos para a manutenção das tropas.  Mas estes homens não estavam preparados para tal campanha, nem se achavam heróis, e estavam menos importados com o país e mais preocupados com os companheiros que ficaram a lutar na batalha do Pacífico.

Clint Eastwood faz uma crónica sarcástica a um episódio rocambolesco da história de uma foto que foi tirada a uma segunda bandeira, pois a primeira havia sido pedida por um comandante. Ao colocar a tal segunda bandeira, o momento é registado em foto e mesmo assim, é dificil identificar os soldados. Mas o que para eles era uma formalidade, um acto de orgulho próprio e pelos companheiros, mais do que pelo país, é encarado pelos chefes e pela sociedade americana como um acto heróico. E sedentos de esperança e cansados de uma guerra que parece não ter fim, esta foto dava às mães uma razão para acreditarem no regresso dos seus filhos e tenta dar um sentido à morte de quem chorava os seus.

Assim, é descontruído um mito, e quando se diz "uma imagem vale mais que mil palavras", também devemos questionar o que estará por detrás dela. Neste caso, é mais o desejo de quem a vê, que deseja ver heróis, do que quem está lá, pois está ocasionalmente e nem quer ser herói... aliás a batalha continuou por muitos mais dias, e milhares de soldados morreram de ambos os lados.

Esta obra, não sendo uma obra prima, pois nas cenas de guerra e acção, é mediana, brilha sobretudo nos retratos humanos, nas vivências de cada um, dos medos, dos desejos, das dúvidas, dos conflitos interiores. Clint Eastwood há muito é e continua a ser um grande contador de histórias humanas, essencialmente sobre a condição humana. Ficamos à espera da outra face da moeda. Bom Cinema!

Tenham um dia feliz! E um início de fim de semana melhor ainda!

Flags of Our Fathers Production Photo

Ira Hayes ( Adam Beach ), John

publicado por docasnasasasdodesejo às 11:00
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Taken - Busca Implacável

. Vemo-nos

. Family Guy

. 7 Maravilhas de origem po...

. Top CINEMA 2010

. O filme desilusão do ano ...

. Um novo dia!

. Novas formas de cativar e...

. E Madaíl porque não saiu ...

. O som para uma boa semana

.arquivos

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

Casino Europa
video poker casinos

.subscrever feeds