Segunda-feira, 23 de Abril de 2007

O Livro de Vida

 

Olá amigos!  Ao 100ª post  e como hoje é Dia Mundial do Livro, decidi abrir as portas aos livros no blog! É que eu gosto muito de ler, mas há fases, e ando numa de leitura lenta..

Mas atendendo ao dia em questão, queria homenagear um livro que li e reli várias vezes, em plena adolescência quando ainda "abria os olhos para vida", no final do tempo de "teenager" ao enfrentar a mudança para a capital para estudos quando "as entrelinhas já diziam algo mais", ou já adulto em que reconheci e reconheço que este livro é uma estrela-guia!

 

 É um daqueles livros que todos devem ler, mais tarde, mais cedo, consoante o ritmo de cada um. Mas garanto-vos é um enriquecimento para qualquer um, desde que o leiam de mente e coração aberto.

Antoine de Saint-Exupéry publicou pela primeira vez «O Principezinho» em 1943, quando recuperava de ferimentos de guerra em Nova Iorque, um ano antes do seu avião Lockheed P-38 ter sido dado como desaparecido sobre o Mar Mediterrâneo, durante uma missão de reconhecimento. Mais de meio século depois, a sua fábula sobre o amor e a solidão não perdeu nenhuma da sua força, muito pelo contrário: este livro que se transformou numa das obras mais amadas e admiradas do nosso tempo, é na verdade de alcance intemporal, podendo ser inspirador para leitores de todas as idades e de todas as culturas.
O narrador da obra é um piloto com um avião avariado no deserto do Sahara, que, tenta desesperadamente, reparar os danos causados no seu aparelho. Um belo dia os seus esforços são interrompidos devido à aparição de um pequeno príncipe, que lhe pede que desenhe uma ovelha. Perante um domínio tão misterioso, o piloto não se atreveu a desobedecer e, por muito absurdo que pareça, pegou num pedaço de papel e numa caneta e fez o que o principezinho tinha pedido. E assim tem início um diálogo intenso e transformador. «O Principezinho» conta a sua viagem de planeta em planeta, cada um sendo um pequeno mundo povoado com um único adulto. Esta é uma história terna que apresenta uma exposição sentida sobre a tristeza e a solidão, que revela algumas reflexões sobre o que de facto são os valores da vida.

 

 

Capa

 " O Principezinho" é o livro francês mais vendido no mundo, cerca de 80 milhões de exemplares, e entre 400 a 500 edições. Também se trata da segunda obra literária (sendo a primeira a Bíblia) mais traduzida no mundo, tendo sido publicado em 160 línguas ou dialetos, uma das 11 línguas oficiais da África do Sul.

Antoine de Saint-Exupéry e o Pequeno Príncipe em Lyon

   Antoine de Saint-Exupéry e o Pequeno Príncipe em Lyon

 

 

Aparentando ser um livro para crianças, esta é uma obra profunda, poética e filosófica.

É uma obra que nos mostra uma profunda mudança de valores, que ensina como nos enganamos (e de que maneira!) na avaliação das coisas e das pessoas que nos rodeiam e como esses julgamentos nos levam à solidão.  Ao nos entregarmos às nossas preocupações diárias, nos tornamos adultos de forma definitiva e esquecemos a criança que fomos. Este é o maior alerta que este livro faz, visível por exemplo neste pequeno excerto: 

 

Mostrei minha obra prima às pessoas grandes e perguntei se o meu desenho lhes fazia medo.

Responderam-me: "Por que é que um chapéu faria medo?"

Meu desenho não representava um chapéu. Representava uma jibóia digerindo um elefante. Desenhei então o interior da jibóia, a fim de que as pessoas grandes pudessem compreender. Elas têm sempre necessidade de explicações. Meu desenho número 2 era assim:

As pessoas grandes aconselharam-me a deixar de lado os desenhos de jibóias abertas ou fechadas, e dedicar-me de preferência à geografia, à história, ao cálculo, à gramática. Foi assim que abandonei, aos seis anos, uma carreira de pintor. Eu fora desencorajado pelo insucesso do meu desenho número 1 e do meu desenho número 2. As pessoas grandes não compreendem nada sozinhas, e é cansativo, para as crianças, estar a toda hora a explicar.

O sonho afasta-se cada vez do quotidiano de todos nós, mas os ideais, os sonhos, os valores, têm que ser transmitidos e valorizados, se desejamos mesmo um mundo mais sensível, solidário,.. mais feliz!

 

 

 Aproveito também a oportunidade para destacar um aspecto do livro, que mesmo para quem já leu, poderá ter passado ao lado.. Foi apenas mais um alerta de Saint-Exupery. O autor faz uma dedicatória no livro, que passo a transcrever:

  "A LÉON WERTH

Peço perdão às crianças por dedicar este livro a uma pessoa grande. Tenho uma desculpa séria: essa pessoa grande é o melhor amigo que possuo no mundo. Tenho uma outra desculpa: essa pessoa grande é capaz de compreender todas as coisas, até mesmo os livros de crianças. Tenho ainda uma terceira: essa pessoa grande mora na França, e ela tem fome e frio. Ela precisa de consolo. Se todas essas desculpas não bastam, eu dedico então esse livro à criança que essa pessoa grande já foi. Todas as pessoas grandes foram um dia crianças. (Mas poucas se lembram disso.) Corrijo, portanto, a dedicatória:

A LÉON WERTH

QUANDO ELE ERA PEQUENINO"

Penso que isto diz tudo... Leiam, releiam, revivam... e façam o favor de nunca esquecerem de ser crianças.. Por todas as razões e mais alguma!

 

 

 

 

 

 

 

publicado por docasnasasasdodesejo às 00:30
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Taken - Busca Implacável

. Vemo-nos

. Family Guy

. 7 Maravilhas de origem po...

. Top CINEMA 2010

. O filme desilusão do ano ...

. Um novo dia!

. Novas formas de cativar e...

. E Madaíl porque não saiu ...

. O som para uma boa semana

.arquivos

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

Casino Europa
video poker casinos

.subscrever feeds