Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

O filme brasileiro que venceu em Berlim

 

Olá amigos!

No passado fim de semana, o Festival de Cinema de Berlim premiou, com alguma surpresa, o filme brasileiro "Tropa de Elite" de José Padilha.

Este filme mostra o lado feio do Rio de Janeiro, pois retrata a violência policial, a crueldade dos traficantes e a conivência hipócrita da sociedade.

"Na polícia do Rio de Janeiro você tem três opções: ou se corrompe, ou se omite, ou vai p'ra guerra", é o que conta um dos personagens, o capitão Nascimento, desempenhado pelo actor Wagner Moura.

E José Padilha, o realizadore mostrou o que é esse conflito, sem o suavizar. Execuções nas favelas, torturas, polícias que vendem armas e recebem mensalidades de traficantes. "A polícia vai para a favela para matar, não é para morrer", diz o narrador de Tropa de Elite.

A acção do filme desenrola-se em 1997, mas não é muito diferente dos destaques da imprensa de ontem ou do dia anterior. "Foi o ano da Operação João Paulo II, em que eles tiveram que pacificar a favela do Turano apenas para que o Papa dormisse uma noite na favela. Mataram de 30 a 35 pessoas nos meses da visita", disse Padilha à imprensa em Berlim.

"Os polícias e os bandidos têm alguns "valores" em comum, como a desvalorização da vida. Mais de quatro mil pessoas foram assassinadas no Rio no ano passado. É um número de guerra".

A sinopse é simples: o realizador centrou-se no quotidiano de um grupo de polícias e de um capitaõ do BOPE (Batalhão de Polícia de Operações Especiais) que quer deixar a corporação e tenta encontrar um substituto para o seu posto; paralelamente, dois amigos de infância tornam-se polícias militares e destacam-se pela indignação contra a corrupção existente.

Este filme, mesmo sendo o mais visto no Brasil, em 2007, com mais de 2 milhões de espectadores, foi motivo de grande controvérsia, pela imagem que dá da polícia, do Rio de Janeiro, e do próprio Brasil. Daí que talvez não surpreenda que o Ministério da Cultura não o tenha proposto à corrida para o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro... mas afinal o prémio máximo de Berlim, não lhe escapou.

A ver, em breve (espero eu), nos cinemas portugueses,

Façam o favor de ser felizes e de fazer alguém feliz!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por docasnasasasdodesejo às 00:58
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Taken - Busca Implacável

. Vemo-nos

. Family Guy

. 7 Maravilhas de origem po...

. Top CINEMA 2010

. O filme desilusão do ano ...

. Um novo dia!

. Novas formas de cativar e...

. E Madaíl porque não saiu ...

. O som para uma boa semana

.arquivos

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

Casino Europa
video poker casinos

.subscrever feeds